Receber em casa

Taças de cristal: Qual é a certa para cada bebida?

As taças são sempre importantes quando o assunto é receber amigos ou familiares em casa. Além de abrilhantar qualquer comemoração, são itens que complementam os espaços, deixando a decoração ainda mais refinada. Existem centenas de taças e muitas delas se parecem, mas você já se perguntou quais as taças de cristal certas para cada bebida?

Cada tipo de bebida pede uma taça específica. E isso não é só uma regrinha de etiqueta, ou um capricho qualquer, mas sim uma questão de conservação da bebida no recipiente, garantindo a você a melhor experiência possível.

Se você aprecia vinhos, espumantes, ou cervejas, com certeza é bastante exigente quanto à qualidade das bebidas. Presta atenção aos detalhes, como aromas, combinações de ingredientes, cores e sabores. Todo esse processo, às vezes artesanal, é bastante complexo e deve ser valorizado com o máximo de intensidade, e é aí que entram as diferentes taças.

Além da grande variedade, ainda se diferenciam os materiais que são feitas, como o vidro, cristal de vidro ou o próprio cristal. Já falamos aqui no Blog sobre a diferença desses materiais e como é importante a presença de certos elementos para o embelezamento e durabilidade das taças. Se você não viu ainda, basta clicar aqui pra entender melhor!

Hoje, vamos falar de cinco taças diferentes, para qual bebida servem e quais são as principais diferenças entre elas.

Começaremos pelas taças de cristal para vinho tinto!

O vinho tinto precisa de espaço para respirar, já que os seus aromas e sabores são muito intensos. Por isso, é fundamental taças com bojos grandes, e principalmente que tenham a parte inferior do bojo maior do que a superior, facilitando a ‘dança’ do vinho.

Quando movimentado de forma circular, o vinho é oxigenado, revelando seus aromas e cores da melhor maneira aos seus sentidos. Com a taça ideal, o aroma se concentrará no meio e permitirá uma incrível degustação. Ah! Antes que eu esqueça, é muito importante que apenas 1/3 da taça seja preenchido, ok?

taças-de-cristal-bohemia-vinho-tinto

E para vinho branco, qual é a diferença?

Os vinhos brancos são consumidos em temperaturas mais baixas, muitas vezes até refrigerado, sabia?! Por isso, eles pedem uma taça menor, que evite que a bebida esquente muito rápido. Mas ainda assim, segue a mesma ideia do formato das taças para vinho tinto, com a parte inferior do bojo maior do que a superior.

Além disso, esse tipo de taça também pode ser usada para degustar vinhos rosé, já que eles costumam apresentar os aromas do vinho branco e os taninos dos tintos. Caso você queira uma taça específica para vinhos Rosé, ela deve ser ainda menor do que a taça para os brancos, mas com o bojo maior, para que acidez se acentue e o sabor adocicado seja equilibrado.

Se você gosta de brindar, com certeza não abre mão do champagne!

Como não poderia ser diferente, também existe uma taça específica para o Rei das celebrações! Você já deve ter visto por aí um modelo de taças bem peculiar, conhecido como Maria Antonieta. Muito popular em produções de cinema e até mesmo em restaurantes, ela tem a borda mais aberta e o bojo largo, o que equilibra perfeitamente com espumantes mais doces e leves.

Com o passar do tempo, e o surgimento dos champagnes Brut, surgiram as taças mais conhecida como flûte, ou flauta. Elas tem o bojo mais fino e comprido, permitindo uma pequena área de contato com ar, preservando o Perlage. Essa estrutura proporciona que os sabores mais delicados e frutados se expressem melhor, sem perder espaço para a acidez tradicional. Além disso, esse formato também direcionada o aroma e a efervescência para o nariz. Hoje, a maioria dos espumantes e champagnes são consumidos neste tipo de taça.

taças-de-cristal-bohemia-champanhe

Para água, também tem uma taça específica

Uma das taças mais importantes em uma mesa posta é a de água. Aqui, a maior preocupação é que o líquido não esquente com o passar do tempo, mantendo a temperatura, já que ela fornece a hidratação necessária entre uma taça e outra de vinho – evitando a ressaca do dia seguinte.

Apesar da bebida não possuir sabor e este não se alterar no caso de uma taça diferente, existe um modelo específico para esta bebida que é o mais fácil de identificar, pois seu tamanho é maior em relação as outras, além de não necessariamente ter a haste.

Taça para cerveja? Tem também!

A experiência visual ao servir uma cerveja, é um dos maiores atrativos desta bebida, conhecida mundialmente. Além do visual, o objetivo é que o formato da taça leve em conta todos os aromas e proporcione o desprendimento do bouquet, garantindo uma experiência completa. Cada formato de taça tem uma função específica, alguns com uma preocupação maior em relação a altura da espuma, outros nem tanto.

Da mesma forma como os vinhos, as taças de cristal favorecem uma melhor degustação da cerveja. Atualmente, num formato bastante comum, padrões, como o da imagem abaixo, já foram desenvolvidos, pensados tanto pela elegância ao servir, quanto pela praticidade.

taças-de-cristal-bohemia-cerveja

Como dispor as taças na mesa?

Tão importante quanto conhecer as diferenças, é saber a disposição correta das taças. Funciona assim:

  1. As taças de água são colocadas em frente ao prato, no centro.
  2. As taças de vinho ficam à direita da taça de água
  3. Siga a ordem: primeiro vem a taça de vinho tinto e após a de vinho branco.
  4. Você irá servir champagne também? Então essa deve ficar à esquerda da taça para água.

Ah! Antes que eu esqueça, independente de qual taça você escolher, é muito importante que elas sejam totalmente transparentes, sem opacidade. Taças coloridas não deixam que o líquido seja visto, e você sabe que o visual faz parte de toda a experiência, juntamente com os sabores e aromas, não é mesmo? Por isso nós indicamos as taças de cristal, pois além de super brilhantes, são também mais transparentes e com uma sonoridade linda.

Agora, uma dica especial pra você!

Na hora de segurar a taça, segure pela haste, aliás, é justamente essa a sua função. Algumas pessoas também seguram na base, mas priorize a haste, ok? Nada de segurar pelo bojo, além de esquentar a bebida ainda vai deixar marcas desagradáveis no cristal.

Viu como não precisa se preocupar? Agora, na próxima vez que você for usar taças, não esqueça de analisar a diferença entre uma e outra e ver como é importante ter uma especifica para cada bebida.

Um beijo e até mais!

Participe - Blog da Bel

One thought on “Taças de cristal: Qual é a certa para cada bebida?

  1. Secretária Cursos Coordenação disse:

    Adorei as dicas!

Os comentários estão desabilitados